Receba novidades

Pacto pelas Cidades Justas

O papel do urbanismo como instrumento contra a violência das cidades foi amplamente comprovado pela experiência de Medellín, na Colômbia: a cidade, uma das mais violentas do mundo na década de 1990, viu suas taxas de homicídios caírem de 380 para 20 por 100 mil habitantes ao longo de trinta anos. A transformação ocorreu graças a um projeto que integrou a construção de espaços e equipamentos públicos de qualidade, soluções inteligentes de mobilidade e investimento contínuo em educação e cultura. Sobretudo, o sucesso se deveu ao fato de que o projeto não se vinculou a uma gestão ou mandato, tendo sido mantido pelas sucessivas administrações da cidade.

No Brasil, as soluções de Medellín inspiraram a construção dos Compaz, equipamentos públicos instalados em áreas vulneráveis de Recife, que vêm alcançando resultados promissores na diminuição de índices de violência da cidade.

Em São Paulo, esses princípios nortearam a criação do Pacto pelas Cidades Justas, que reúne mais de vinte entidades da sociedade civil a fim de modelar um programa a ser implementado pela prefeitura da cidade. Trata-se, assim, de uma articulação entre a sociedade, a iniciativa privada e o poder público para criar e implementar projetos de desenvolvimento e intervenções urbanísticas em territórios vulneráveis.

O Pacto pelas Cidades Justas é, em essência, um modelo de governança em que a larga experiência das entidades do terceiro setor que já atuam em comunidades socialmente vulneráveis será integrada à atuação das secretarias do município. A articulação com a prefeitura garante a centralização das ações, a integração multisetorial das políticas públicas, a convergência das políticas nos territórios selecionados e a continuidade do programa ao longo das próximas gestões.

Programas


Instituições Envolvidas

PACTO PELAS CIDADES JUSTAS

Ação Educativa

Arq.Futuro

Associação a Cidade Precisa de Você

Associação Redes de Desenvolvimento da Maré

Fórum Brasileiro de Segurança Pública

Fundação Itaú para a Educação e Cultura

Fundação Tide Setubal

G10 de Favelas

Instituto Acaia

Instituto Alana

Instituto BEI

Instituto dos Arquitetos do Brasil - São Paulo

Instituto Escola do Povo

Instituto Igarapé

Instituto Pólis

Movimento Sem - Teto do Centro - MSTC

Rede Conhecimento Social

Rede Nossa São Paulo

Todos pela Educação

Um Teto Para Meu Pais – Brasil

UNAS - União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região

União dos Movimentos de Moradia - UMM

União Educacional e Esportiva do Jardim Colombo

Urbem - Instituto de Urbanismo e Estudos para a Metrópole

WRI Brasil

PROGRAMA CIDADE SOLIDÁRIA

ABCD – Ação Brasileira de Combate às Desigualdades

Central de Movimentos Populares

Cruz Vermelha

União SP

Frente de Luta por Moradia


Documentos


Aqui você tem acesso a documentos, apresentações, textos, artigos e releases que poderão ajudar a entender as questões abordadas no Pacto pelas Cidades Justas.

Contato

Envie um email para cidadesjustas@cidadesjustas.org.br.